Curso Plano de Aproveitamento Econômico

Curso EAD completo sobre a elaboração do Plano de Aproveitamento Econômico passo a passo com Wagner Araújo

Detalhes do curso

O Setor Minerário é de fundamental importância para o país. Exemplo disso foram as recentes aprovações no Congresso Nacional e finalmente sancionadas pelo Presidente da República. No entanto, a tramitação dos Planos de Aproveitamento Econômico que nortearão a obtenção dos títulos autorizativos para aproveitamento dos bens minerais, Concessão de Lavra e Licenciamento quando este exigir, devem seguir regras específicas de suma importância para o melhor aproveitamento dos recursos minerais.

Após a aprovação do Relatório Final de Pesquisa, o titular do direito minerário deve apresentar junto à Superintendência de sua jurisdição, dentro do prazo de um ano o requerimento de lavra. Tal requerimento é composto por um formulário específico acompanhado de um Plano de Aproveitamento Econômico e seus anexos. Tal plano é composto por vários outros projetos (Plano de Lavra, PGR, PCMSO, PCIAM, Plano de Fechamento de Mina, dentre outros importantes) os quais objetivam demonstrar, a exequibilidade técnica e econômica do bem mineral em apreço.

O Estudo de Viabilidade Econômica é o ápice do projeto, onde são apresentados aspectos imprescindíveis ao real conhecimento da evolução do projeto com o passar dos anos. É constituído por estudos e tendências de mercado, determinação das receitas brutas e líquidas, lucros brutos e líquidos, cálculos de tributos, determinação dos investimentos e custos para o efetivo aproveitamento minerário e por fim, o conhecimento do Valor Presente Líquido (VPL), Taxa Interna de Retorno (TIR), Ponto de Equilíbrio, Rentabilidade, Lucratividade e PayBack.

O presente curso visa apresentar aos alunos os aspectos relevantes na elaboração de um Plano de Aproveitamento Econômico o qual comporá o Requerimento de Concessão de Lavra ou de Licenciamento quando este o exigir. Ademais, o curso disponibiliza estudos de caso e uma planilha modelo para a elaboração do estudo de viabilidade, adaptável a qualquer empreendimento minerário.

Os participantes deste curso terão a oportunidade de buscar através de discussões técnicas e jurídicas, as melhores práticas de elaboração de Planos de Aproveitamento Econômico, diminuindo significativamente o período de tramitação dos processos minerários, evitando exigências e indeferimentos indesejáveis.

Desenvolva

  • Maior qualificação dos profissionais envolvidos na elaboração e gestão de Planos de Aproveitamento Econômico vinculados a processos minerários;
  • Diminuição das exigências complementares culminando sobremaneira na agilidade do trâmite processual;
  • Maior segurança no investimento de capital e tomada de decisões tendo em vista a melhor qualificação de seu corpo técnico e consequentemente melhor elaboração dos PAEs;
  • Networking durante e pós-curso, uma vez que na plataforma EAD, os alunos participam de fóruns de discussão, estabelecendo relações profissionais como forma de troca de experiências e abertura de novos campos de trabalho e de conhecimento.

Público Alvo

Apesar do PAE, conforme resolução CONFEA/CREA ser uma atribuição específica do Engenheiro de Minas, o conhecimento das peculiaridades vinculadas aos Planos de Aproveitamento Econômico, exigidas pelo Código de Mineração e especificamente pela ANM/MME, torna-se uma tendência de mercado dentro das principais empresas do ramo da mineração. Diante deste fato destaca-se a seguir o público alvo:

• Gestores de projetos (Geólogos, Engenheiros de Minas, Engenheiros Ambientais, Engenheiros Florestais e Técnicos em Mineração e Geologia). Profissionais com ou sem experiência;

• Estudantes de Geologia, Engenharia de Minas, Engenheiros Ambientais e Florestais;

• Gestores e Administradores de empresas do Setor Minerário

• Advogados do ramo de Direito Minerário.

Conteúdo Programático

  • Competência Institucional para Outorgar, Fiscalizar e Normatizar
  • Sanções Administrativas e Poder de Polícia da ANM
  • Licenciamento Ambiental
  • Enquadramento Jurídico Minerário
  • Pré-requerimento Eletrônico
  • Extensão e Configuração da Área Pretendida pra Lavra
  • Demonstração da Exequibilidade Técnica-Econômica da Lavra no RFP e sua Equivalência no PAE
  • Protocolização Física do Requerimento
  • Identificação, Legitimidade e Representatividade
  • Código de Mineração e Regulamento do Código
  • Certidão de Registro no Departamento Nacional de Registro do Comércio, da Entidade Constituída
  • Prova de Disponibilidade de Fundos ou da Existência de Compromissos de Financiamento
  • Normas Reguladoras da Mineração – NRMs
  • Mapas e Plantas
  • Unidades de Medida
  • Previsão de Recolhimento de CFEM
  • Formulário de Análise de Requerimentos de Concessão de Lavra
  • Relatório Anual de Lavra
  • Servidão Minerária
  • Empreendimentos Oriundos de Lavra Autorizada Anterior
  • Empreendimentos Situados em Área com Histórico de Lavra Clandestina
  • Mercado Consumidor
  • Investimentos
  • Cálculo de Receita
  • Definição de Impostos e Tributos Incidentes no setor Minerário
  • CFEM
  • Custos Inerentes ao Setor Minerário
  • Cálculo de Lucro Bruto, Tributos Incidentes Sobre o Lucro e determinação do Lucro Líquido
  • Depreciação/Amortização
  • Fluxo de Caixa
  • Métodos e Critérios de Avaliação de Econômica de Empreendimentos Minerários
    • Método do Valor Presente Líquido (VPL)
    • Método do Taxa Interna de Retorno (TIR)
    • Método do Pay-back descontado
    • Lucratividade e Rentabilidade

Professor

Wagner Araújo

Professor

Engenheiro de Minas pela UFOP, Especialista em Recursos Minerais. Pós-graduado em Engenharia de Segurança do Trabalho pela FACAM. Pós-graduado em Master em Engenharia em Geotecnia pela PUC/MG. Experiência em atividades do Setor de Rochas Ornamentais e de Segurança de Barragens.

Investimento

Inscreva-se já!

R$ 670,00

a vista no boleto ou no PagSeguro (até 18x)

Com a palavra, nossos clientes

Instituto Minere vem se destacando como importante formador de mão-de-obra especializada em mineração, preenchendo uma lacuna deixada pelas universidades na formação técnica tão preciosa às mineradoras.

Mario Trota

Geólogo Consultor em Exploração Mineral

As mídias do IM compartilham conteúdos muito interessantes e que agregam alto valor ao nosso conhecimento. A política de desconto a ex-alunos e a acessibilidade aos responsáveis complementam os benefícios. Parabéns!

Diego de Arvelos Nicolau

Engenheiro Geólogo - KINROSS

Excelentes conteúdos e ótimas dicas para nós profissionais...

Natalia Moura

CEFET SF

O IM nos concede uma ótima oportunidade de estarmos atualizados e sermos profissionais cada vez mais preparados para enfrentar os desafios do mundo moderno. Parabéns ao IM por trabalhar em prol do desenvolvimento da atividade mineradora!

Leonardo Souza

Consultor - CLGeo Soluções em Geologia e Mineração

© Instituto Minere

by nerit